Você empreendedor - Seu 1º passo é alimentar o conhecimento Quero Vencer!

Minichurros, o que você sabe sobre?

Olha o churros, olha o churros bem quentinho!

O cheirinho dele está no ar.

Pode-se perceber de longe quando o carrinho do churros está chegando.

É típico encontrar aqui no Brasil e em Portugal os clássicos vendedores ambulantes de churros, que estão desde as praças mais movimentadas das cidades, até aqueles cantinhos dos bairros residenciais divulgando e cantando a passagem do churros, principalmente usando o porta-malas do carro adaptado.

Na saída da escola ou na beira da praia, eles estão em todos os lugares, afinal, não existe hora nem lugar para apreciar um delicioso churros.

Lembro-me de uma pequena história, de quando estava na casa de um amigo. Estávamos no ensino médio e passamos a tarde inteira fazendo trabalhos. De repente, no final da tarde, nos deparamos com um temporal através da janela e uma enorme fome. Foi então a hora que nossos anjos da guarda nos enviaram através de quatro rodas e uma voz no microfone, o maravilhoso carro dos churros.

Não pensamos duas vezes, e descalços, cansados e sem se importar com a chuva saímos correndo em direção ao carro.

A volta deveria ter sido filmada ou registrada, com muito mais churros do que podíamos carregar, voltamos correndo e encharcados para casa e nos deliciamos com aquelas maravilhas.

Já passou por algo parecido?

 

minichurros-historia

 

Você já provavelmente já deve ter provado essa delícia, mas você conhece a história?

Não há muita certeza na história da origem dessa deliciosa iguaria. Algumas pessoas tendem a dizer que o churros é um doce típico dos portugueses, que baseados na culinária do oriente trouxeram novas técnicas para a cozinha. Dentre as novas técnicas, uma nova forma de manusear a massa, de uma maneira em que não a puxassem e sim a extraíssem com um molde em formato de estrela.

Aí está a explicação do clássico formato de estrela dos churros.

É interessante lembrar que os portugueses tiveram que adaptar essa nova maneira, pois naquela época os chineses eram proibidos pelo imperador chinês, sob pena de morte, a compartilhar conhecimentos com estrangeiros.

Porém se você for viajar para outros países, como México ou Argentina, é comum que esse clássico churros como conhecemos não receba aquela generosa camada de recheio no meio, como estamos acostumados a ver aqui no Brasil.

Qualquer que seja a origem do churros, o que se sabe é foi popularizado na América Latina, França, Estados Unidos, México e até nas Ilhas Caribenhas.

Mas já pensou acordar e servir uma xícara de café com leite ou chocolate quente acompanhado de uma porção de churros? Sim, nestes países é comum servir o churros no café da manhã.

Massa a base de farinha de trigo, água e óleo vegetal. É basicamente essa a composição dos churros. Mas e os recheios?

É comum os churros serem recheados aqui no Brasil, seja com chocolate ou com doce de leite, que são os mais comuns, e deliciosos também né?

Em Cuba podem ser encontrados recheados com um doce de goiaba.

Na Argentina, México e alguns outros países o recheio pode ser feito de doce de leite ou então chocolate e baunilha.

Churros salgados? Sim, no Uruguai existem lugares em que essas iguarias são feitas recheadas de queijo derretido.

 

minichurros-vininha

Mas o que todos esses churros tem a ver com o Vininha?

Nós também somos grandes fãs de churros, e como uma opção para sobremesa resolvemos oferecer deliciosos minichurros de doce de leite.

Sim, minichurros! Uma forma de saborear um doce delicioso do melhor jeito Vininha.

E o que são os minichurros?

Essas delicias são feitas da mesma maneira que os churros normais, mas são feitos com uma massa menor.

Os minichurros do Vininha são recheados de um delicioso doce de leite.

Muitos dos nossos clientes aproveitam e servem os minichurros em festinhas, reuniões com amigos ou como opção para sobremesa.

Agora que você sabe tudo sobre essas iguarias, está esperando o que para pedir?

call-to-action-minichurros